+55 (51) 3228-1999
20/08/2018
Mercado financeiro mantém previsões para inflação e PIB neste ano
20/08/2018
Ouro fecha em alta, apoiado por câmbio e pela demanda da Ásia
22/08/2018
Que aposentadoria escolher
22/08/2018
Setor cresce 1,7% no primeiro semestre
22/08/2018
Corretores e seguradoras terão novas regras para guarda de documentos
22/08/2018
Inteligência artificial promete ajudar Seguradora Líder a reduzir fraudes no DPVAT
22/08/2018
Com crise, seguros empresariais ganham popularidade
22/08/2018
Parcerias entre startups e seguradoras vão ganhar força
22/08/2018
Amazon considera lançar site de comparação de seguros no Reino Unido
24/08/2018
Confira os investimentos que podem ajudar você a ter uma aposentadoria tranquila
24/08/2018
Por que o brasileiro não pensa em aposentadoria; e como investir para chegar lá
24/08/2018
Projeto permite que corretores de seguros atuem em licitações públicas
24/08/2018
5 sinais de que o mercado de ICO voltará a crescer
24/08/2018
Corretores de seguros devem estar atentos ao e-Social
24/08/2018
Mapear os hábitos dos consumidores pode alavancar o setor de seguros
24/08/2018
Edmardo Galli destaca a importância de inovar durante a “Seguros Del Futuro LATAM 2018”
29/08/2018
Transformação digital nos seguros: o suco de laranja e a redescoberta do risco
29/08/2018
Mitos e Verdades da Previdência
29/08/2018
Seguro ambiental obrigatório aprovado pela nova lei será um diferencial estratégico para as empresas
29/08/2018
Apenas 18% dos brasileiros pouparam em junho, diz indicador da CNDL
29/08/2018
Prospecção inteligente de clientes é tema de palestra em Ipatinga
29/08/2018
Os que se dão bem na vida!
29/08/2018
Candidatos são arrojados com suas finanças
04/09/2018
Reforma política coloca o benefício da previdência em pauta
04/09/2018
Segundo estudo, apenas 19% dos Brasileiros tem seguro de vida. Especialista dá dicas e ensina corretores de todo Brasil a escalarem seus negócios
04/09/2018
Poupança ainda é o investimento preferido do brasileiro
04/09/2018
Como o envelhecimento mudou nos últimos 20 anos
04/09/2018
Rombo da Previdência é de R$ 35 milhões e o déficit mensal do Paço atinge R$ 20 mi?
04/09/2018
Sindseg faz palestra para empresários e o mercado de seguros em Marabá (PA)
04/09/2018
Pedrinhas em Seguros (RS) promovem encontro no Acampamento Farroupilha
10/09/2018
'Pé de meia': confira o melhor investimento para cada fase da vida
10/09/2018
Processos Ágeis transformam modelo de negócios no setor de seguros
10/09/2018
5 diferenciais para o corretor de seguros dos dias de hoje
10/09/2018
Transformação digital impõe desafios para lideranças do setor de tecnologia das seguradoras
10/09/2018
Mercado reduz alta do PIB e inflação de 2018
10/09/2018
Dólar abre semana entre altas e baixas com investidor de olho na eleição
10/09/2018
Ibovespa sobe amparado por clima ameno no exterior e busca 77 mil pontos
12/09/2018
Seguro DPVAT: de janeiro a julho, Seguradora Líder identificou mais de 6,7 mil pedidos indevidos
12/09/2018
Confira os estados onde há vencimento do Seguro DPVAT no mês de setembro
12/09/2018
Resseguradores se reúnem em Mônaco; Swiss Re divulga estudo
12/09/2018
Projeto de Lei atribui novas responsabilidades à autorreguladora do mercado
12/09/2018
Como fidelizar clientes?
12/09/2018
70 anos do Clube da Bolinha
12/09/2018
Nova plataforma quer dar transparência a licitações...
14/09/2018
União Seguradora comemora 105 anos.
17/09/2018
União Seguradora comemora 105 anos no Acampamento Farroupilha
17/09/2018
Previdência: um dia você vai precisar dela
17/09/2018
Mercado segurador cresce apesar da instabilidade política
17/09/2018
Primeira turma do Programa Recomeço, desenvolvido pela Seguradora Líder, conclui qualificação
17/09/2018
Transparência nas licitações: seguradoras apoiam
17/09/2018
Seguros: vendas estagnadas no acumulado do ano, até julho
17/09/2018
IBC-Br sobe 0,57% em julho ante junho, com ajuste, revela BC
24/09/2018
Dívida Pública Federal sobe 0,98% em agosto para R$ 3,785 tri, diz Tesouro
24/09/2018
Economia de partilha. ?Vamos largar esta ideia de que temos de ser donos de tudo o que usamos? /premium
24/09/2018
XP lança robô para recomendar investimentos
24/09/2018
Competição em taxas é acirrada nos bancos
24/09/2018
Como investir na sua aposentadoria
24/09/2018
Como planejar a aposentadoria
24/09/2018
Seguradora dos EUA passa a exigir trackers de fitness nas apólices
28/09/2018
Seguro de vida em grupo é disseminado, mas pode ser melhor apresentado
28/09/2018
Plano VGBL é porta de entrada na previdência
28/09/2018
Como negociar ao contratar um plano de previdência?
28/09/2018
Assistência digital de Seguradora chega ao Google Assistente e oferece vários serviços exclusivos
28/09/2018
Parcelamento é opção para evitar exclusão do Simples
28/09/2018
Entenda quando começa o prazo para seguradora declinar proposta
28/09/2018
Pesquisa revela falta de “cultura do seguro” no país
03/10/2018
Seguro de vida empresarial também é vantagem para o executivo
03/10/2018
Setor privado prepara projeto de reforma da Previdência para presidente eleito
03/10/2018
Congresso destaca oportunidades de negócios e função social dos corretores de vida e previdência privada
03/10/2018
CNSeg enviou documento aos presidenciáveis às vésperas das eleições
03/10/2018
Corretor entenda o novo conceito que pode fazer a diferença no mercado de seguros
03/10/2018
Bolsas da Europa fecham em alta com otimismo em relação a orçamento na Itália
03/10/2018
Entrada de dólar supera saída em US$ 18,040 bilhões no ano até setembro, diz BC
08/10/2018
Investidores devem ser conservadores com dinheiro nos próximos 180 dias
08/10/2018
Barreira cultural é principal desafio para assinatura eletrônica no Brasil
08/10/2018
Seguradoras adotam o uso de tecnologia 'vestível' para criar descontos
08/10/2018
Os melhores planos de previdência privada, segundo a Proteste
08/10/2018
Economia mundial corre risco de enfrentar nova crise financeira, avisa FMI
08/10/2018
O que esperar dos mercados com Bolsonaro ou Haddad?
08/10/2018
Ibovespa dispara após 1º turno das eleições; dólar cai
10/10/2018
Planejamento Financeiro e Previdência Privada
10/10/2018
Cresce número de consumidores que poupam acima de R$ 50 para os filhos, diz Boa Vista SCPC
10/10/2018
Ibovespa cai mais de 2%; investidor repercute declarações de Bolsonaro
10/10/2018
Dicas de Planejamento Pessoal
10/10/2018
Seguros: a decisão de proteger o que tem de mais valioso na vida
10/10/2018
Seguro auto online: será o fim das corretoras de seguros?
10/10/2018
Bolsonaro e Haddad estão com propostas do setor de seguros para debate
11/10/2018
Dia da Criança
11/10/2018
Dia do Securitário
16/10/2018
Plenário pode votar projeto com novas regras para serviços de seguros
16/10/2018
Corretor de seguros não é um intermediário de negócios*
16/10/2018
Como escolher uma boa Previdência Privada?
16/10/2018
Cada vez mais cedo, brasileiros depositam confiança em previdência privada
16/10/2018
Algumas diferenças entre a Previdência do Servidor e o INSS
16/10/2018
Guardar dinheiro: um hábito que se deve aprender desde cedo
16/10/2018
Petróleo fecha em alta com tensões entre Arábia Saudita e EUA
19/10/2018
Em 10 anos, Rio Grande do Sul terá mais idosos do que crianças
19/10/2018
Governo deve agir para que empresas tornem acessos IoT mais seguros, diz NEC
19/10/2018
A Palavra de Ordem é Inovação
19/10/2018
Seguradoras que transformam seus negócios e modelos operacionais podem obter US$ 375 bilhões em novas receitas, afirma estudo da Accenture
19/10/2018
Qual a próxima onda?
19/10/2018
Empresários da indústria estão mais confiantes, diz CNI
19/10/2018
Dólar cai com força de moedas emergentes e sinais de estímulo chinês após PIB
22/10/2018
Troféu JRS 2018
24/10/2018
Vale a pena investir na previdência privada para o meu filho?
24/10/2018
Dia Mundial da Estatística: saiba mais sobre os números do Seguro DPVAT
24/10/2018
Aquisições e fusões vão se intensificar no setor de seguros
24/10/2018
Cuidado! Você pode perder o seu Simples Nacional em 2019!
24/10/2018
Crescimento de estudantes brasileiros no exterior resulta em inovações nos serviços de seguro viagem
24/10/2018
Seguro e previdência às MPEs só devem ganhar força depois de 2019
24/10/2018
Com atenção à eleição, dólar alterna pequenas altas e baixas
26/10/2018
Setor de seguros deve aprender a lidar com a diversidade
26/10/2018
?A longevidade é uma das grandes conquistas da humanidade. É hora de revermos nossos conceitos?
26/10/2018
Brasileiros contratam mais seguros para proteção pessoal
26/10/2018
Exemplo de Mediação para o Mercado Segurador
26/10/2018
Corretor: segmento de seguros possui novas regras
26/10/2018
Seguros fazem a economia girar
26/10/2018
Governo Central registra déficit primário de R$ 23 bilhões em setembro
31/10/2018
Entre os poupadores, 20% pensam na aposentadoria
31/10/2018
Controle do dinheiro permite realizar sonhos futuros
31/10/2018
Estudo reforça a importância do corretor na venda de seguros
31/10/2018
Corretor de Seguros: o principal responsável pelo avanço do mercado segurador
31/10/2018
Além do seguro DPVAT obrigatório, quase metade da frota brasileira possui seguro auto
31/10/2018
Confederação de seguradoras entrega 22 propostas para Bolsonaro
31/10/2018
Seguradoras pressionadas com nova abordagem das normas IFRS
05/11/2018
TR não deve ser aplicada na correção de benefício complementar, decide Segunda Seção
05/11/2018
Combate ao mercado marginal une entidades estaduais e federais
05/11/2018
Seguro pode ser alavanca para infraestrutura no novo governo
05/11/2018
Seguradoras pressionadas com nova abordagem das normas IFRS
05/11/2018
Confiança das seguradoras cresceu 26% em outubro
05/11/2018
Líder simplifica pedido do Seguro DPVAT com novo formulário unificado
05/11/2018
Inteligência artificial já é realidade no mercado de seguros
04/12/2018
Um Futuro seguro precisa de planejamento
04/12/2018
Prazo para placas do Mercosul no RS será 17 de dezembro
04/12/2018
Inovação surge para tirar profissionais da zona de conforto
04/12/2018
Câmara cria comissão para analisar novo seguro obrigatório
04/12/2018
A vez da previdência privada com a reforma no novo governo
04/12/2018
Fintechs e mudanças nos serviços financeiros
04/12/2018
Mercado aposta que investidores vão passar a aplicar mais na aposentadoria
14/12/2018
União Seguradora fecha o ano com novos negócios
14/12/2018
Uma parceria de sucesso
14/12/2018
Corretor que buscar cobertura para cliente no mercado internacional em desacordo com a legislação está sujeito a penalidade
14/12/2018
CNseg: resiliência e diversificação mantêm crescimento do setor
14/12/2018
Brasilprev vê previdência privada em 2019 mais robusta e acredita em reforma
14/12/2018
Vale a pena investir em PGBL no fim do ano para ter desconto no IR?
14/12/2018
Brasilprev avalia que unificação da Susep e Previc é razoável
28/12/2018
Feliz 2019
04/01/2019
#RetrospectivaDPVAT: Fique por dentro das principais iniciativas de 2018
04/01/2019
Lucro das seguradoras avança para R$ 13,3 bi até novembro de 2018

Expectativa é de mudança de rumos em 2016, diz vice-presidente da Anbima


30/12/2015
O ano de 2016 começa com expectativa de alguma virada diante de um cenário tão ruim, afirma Carlos Ambrósio, diretor-presidente da gestora Claritas Investimentos e vice-presidente da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).  “São vários cenários, de a Dilma ficar ou de um impeachment com posse do vice Michel Temer ou impugnação da chapa pelo TSE, ou da presidente perder o apoio e renunciar, mas vai ter de acontecer alguma coisa em 2016, estamos chegando num ponto de inflexão que algo vai ter de ocorrer para o país voltar aos trilhos”, afirma Ambrósio.

Esta é a leitura otimista, diz o executivo. A pessimista é que a indefinição se prolongará mais ao longo do ano. “E o país não consegue sobreviver com um período de indefinição tão grande”, diz.

Eleições municipais
As eleições municipais tendem a ser um importante catalizador para uma definição política para o país, avalia o executivo, pois o resultado refletirá a aprovação do governo nas urnas das cidades. De qualquer maneira, a  instabilidade do cenário político é impressionante e se reflete nos mercados financeiros. “E ainda se soma a essa instabilidade o imponderável da Operação Lava Jato”, afirma Ambrósio.

Sem espaço para grandes manobras
Para coroar a indefinição, houve a troca do ministro da Fazenda, Joaquim Levy, pelo do Planejamento, Nelson Barbosa. Mas, apesar da mudança, o próprio ministro deve ter consciência de que não terá liberdade para ser muito criativo na política econômica. “O problema de hoje veio de políticas fiscais mais flexíveis do passado e não dá para repetir o erro”, diz Ambrósio. “Não há muita margem de manobra para gastos e, ao mesmo tempo, não há apoio para medidas mais populistas, por isso a situação não deve se deteriorar mais”, afirma. “O problema é que a maior deterioração hoje é ficar parado”.
Para Ambrósio, o limite para novas  medidas populistas é um sinal também de que as instituições brasileiras estão funcionando e impõem restrições à irresponsabilidade fiscal.

Investimento no exterior deve crescer
Sobre as estratégias de investimentos, Ambrósio diz que 2015 foi o ano da diversificação, com alocação maior lá fora. “Foram aplicações positivas não só pela alta do dólar aqui como pelo desempenho dos ativos no exterior”, explica.
Já em 2016, aplicar lá fora vai continuar sendo importante, nem tanto pelo câmbio, mas pelo crescimento maior que no Brasil. “Vai ter oportunidade no mercado local em renda fixa e em algumas apostas mais pontuais em ativos de risco”, diz.

Multimercados devem seguir brilhando
Haverá portanto algum espaço para a diversificação, já que os fundos hedge ou multimercados devem ter desempenho bom por seus investimentos em câmbio e pela volatilidade maior dos mercados, que deve criar oportunidades em outros ativos. “Mas vai ser preciso ser mais seletivo na escolha dos gestores e fundos, pois nem todos conseguirão aproveitar as oportunidades e os prêmios que ela vai trazer”, diz.
Será preciso também ter paciência para colher os frutos da diversificação, que podem demorar a surgir e, antes, o mercado pode ter reviravoltas. “É fazer a alocação e aguardar”, diz Ambrósio, lembrando que movimentos de curto prazo são arriscados para o investidor. “Para quem não tem paciência, o melhor é ficar na Selic, que continua com um ganho muito bom, acima de 14% ao ano”, observa.

Maior tributação para juros diários
Mas, nesse caso, o investidor precisa ter consciência de que não vai aproveitar as oportunidades e ainda poderá ter um imposto de renda maior caso a nova tributação da renda fixa proposta no Congresso passe. Se passar, todas as aplicações atreladas ao juro diário, seja Selic, seja CDI, pagarão até 25% de imposto e terão alíquota mínima de 17,5% após três anos. “E isso vai impactar a maior parte dos recursos e o fluxo de caixa das empresas e das pessoas, que está aplicações com em juros diários”, lembra Ambrósio.
A medida vai acabar atingindo os recursos antigos, pois o estoque também estará sujeito às novas alíquotas mais altas. O aumento do tributo terá impacto sobre os empréstimos, aumentando a cunha fiscal e neutralizando o efeito da taxa de juros.

Juro deve subir em 2016
Ambrósio acredita que o juro básico deve subir no ano que vem, mas seu efeito sobre  a inflação será discutível. “O efeito do juro será menor pelo problema fiscal, que vai continuar e é o que realmente deveria ser resolvido”, diz. “Mas, diante de um cenário em que não dá para resolver o fiscal, o Banco Central também não pode ficar parado com as expectativas de inflação disparando”, afirma.

Ano difícil para fundos
Para o setor de fundos, 2016 deve ser um ano tão difícil quanto 2015, mas com oportunidades para alguns segmentos, como de fundos hedge, ou multimercados, que tentem a render mais e atrair mais recursos. E os sinais iniciais são de dificuldade para a bolsa, pelos juros altos e pela expectativa de nova queda no PIB, de 2,5% no ano que vem.
Porém, a possibilidade de mudanças radicais no cenário político levaria o mercado acionário a ter momentos muito positivos, com o interesse dos estrangeiros voltando e o investidor local retomando as aplicações de risco. Por isso, o ideal para o gestor e para o investidor é fazer um orçamento conservador e com liquidez para, caso o cenário mude, poder aproveitar as oportunidades.

Tendência de concentração de gestores
O ano terá ainda a entrada em vigor da Instrução 558 da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que estabelece regras mais duras para a montagem e funcionamento de gestoras independentes. Por isso, a expectativa é de consolidação, movimento que já está ocorrendo este ano e deve continuar em 2016.
As novas regras para aplicação no exterior, que aumentaram os limites para fundos de varejo investirem no mercado externo, devem também continuar estimulando a aplicação lá fora. “Demora um pouco, pois há um certo desconhecimento, mas daqui um ano podemos ter uma cultura mais disseminada e um aumento do volume lá fora”, diz Ambrósio.
Há ainda as mudanças nos fundos de previdência privada, que entram em vigor também no ano que vem, e preveem maior liberdade para esses fundos aplicarem em ações e no exterior. O problema é o momento ainda ruim para a bolsa, mas a mudança vai permitir maior diversificação no futuro.

Fonte: ADVFN por Arena do Pavini

Praça Otávio Rocha, 65 - 1º andar Centro Histórico de Porto Alegre/RS CEP.: 90020-140

+55 (51) 3228-1999